Tangará/RN: Prefeito DR. Airton demora 4 meses para distribuir kit merenda e decepciona comunidade

O prefeito Doutor Airton finalmente autorizou a aquisição dos Kits escolares. A administração do médico vinha postergando a compra dos itens de merenda escolar para distribuição na comunidade. Após forte pressão popular a secretaria municipal de educação anunciou a entrega dos Kits como uma importante conquista da gestão, entretanto, a distribuição tem gerado desapontamento para pais e comunidade em geral.

Com apenas 10 itens, o Kit que demorou pouco menos de 4 meses para ser adquirido, é alvo de críticas da comunidade. No kit merenda distribuído tem: 2 quilos de arroz, 1 quilo de feijão, 1 pacote de bolacha doce, 2 flocos de milho, 1 quilo de açúcar, 1 pacote de macarrão, 1 pacote de leite em pó e 1 peito de frango congelado. 

Dinheiro em caixa

Print de tela mostra mais de 86 mil reais disponíveis para aquisição de merenda desde o início desse ano. Gestão anterior teria deixado mais 75 mil em caixa. Imagem: reprodução site FNDE

A prefeitura de Tangará recebeu do início do ano até a data de 7 de abril o montante de pouco mais de 86 mil reais para a alimentação escolar e, segundo a secretária de educação da gestão anterior, tinha em conta pouco mais de 75 mil reais do saldo do ano de 2020, totalizando mais de 160 mil reais. Em 2020 eram distribuídos 2.200 kits escolares para alunos da rede pública municipal, entramos em contato com as secretarias de educação e também de finanças para saber o total de Kits distribuídos e o valor de cada, mas até o fechamento dessa matéria não havíamos recebido retorno.

Pesquisa de mercado

Kit distribuído pela prefeitura custa em média R$ 40 no mercado. Cálculos que levam em consideração dados fornecidos pela gestão anterior apontam que recursos disponíveis poderiam comprar cestas de até pouco mais de R$ 70,00. Imagem: redes sociais

c

Cotamos os itens da cesta distribuída pela secretaria de educação. Confira os valores médios de mercado:

2 quilos de arroz R$ 3,99 (cada) kg;
1 quilo de feijão R$ 5,99 kg;
1 pacote de bolacha doce R$ 2,99 un;
2 flocos de milho R$1,20 (cada) un;
1 quilo de açúcar R$ 2.69 kg;
1 pacote de macarrão R$ 2.49 un;
1 pacote de leite em pó R$ 4.99 un;
e 1 peito de frango congelado R$ 9.99 kg

Em média, cada kit de distribuído sai, a preço de mercado, por R$ 39,52. Resta saber a quanto saiu para prefeitura cada Kit e quantos foram adquiridos. Se confirmada a informação que havia em caixa pouco mais de 160 mil reais e que as matrículas seguem em torno de 2.200, a mesma média do ano passado, os kits deveriam custar pouco mais de 70 reais para gastar todo o recurso disponível até o início de Abril.

Prefeitura não apresenta os dados

Questionadas as secretarias de educação e finanças não responderam até o momento. A prefeitura municipal também ainda não publicou nas suas redes sociais a quantidade de Kits, nem o valor unitário de cada Kit escolar. Nosso portal segue aberto para os esclarecimentos.

 

Fonte: Portal do Trairí

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close