Festa de Sant’Ana agora também reconhecido como patrimônio cultural e imaterial do RN

A Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Social da Assembleia Legislativa aprovou,  o projeto que torna a Festa de Santana patrimônio cultural e imaterial do Rio Grande do Norte. A tradicional festa celebra a padroeira da cidade de Caicó, no Seridó Potiguar, e também abrange outros municípios como Currais Novos e Santana dos Matos.

O festejo religioso é realizado há mais de 270 anos no estado potiguar e dura onze dias. O encerramento ocorre sempre no domingo imediatamente posterior ao dia de Sant’Ana – celebrado em 26 de julho. A origem remonta aos processos de ocupação territorial e formação da sociedade ainda no período da colonização portuguesa.

Em 13 de dezembro de 2010, a nível nacional, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) já tinha concedido à Festa de Santana de Caicó o título de Patrimônio Cultural Brasileiro.

Fonte: Blog do Robson Pires

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close