Natal: Vereadores querem liberar veículos de turismo nas faixas exclusivas de ônibus

Prefeito vetou a matéria, comissão derrubou veto

O projeto que permite que ônibus de turismo trafeguem nas faixas exclusivas para ônibus em Natal voltará ao Plenário da Câmara Municipal após ser vetado pelo Prefeito Álvaro Dias. O veto foi derrubado nesta segunda-feira (23) pela Comissão de Justiça da Casa. A matéria é justificada pelo fato de Natal ser uma cidade turística e o turismo ser uma das suas principais atividades econômicas.

De autoria do vereador Ney Lopes Júnior (PSD), a proposta prevê melhor mobilidade àqueles que visitam a cidade como outras capitais turísticas do Nordeste, como João Pessoa, Recife e Fortaleza fizeram. “Quando elaboramos o Projeto pensamos mais precisamente em facilitar o deslocamento do turista para longas distâncias, como o aeroporto, por exemplo. O objetivo não é favorecer ninguém, todos são iguais, mas quando a Associação dos Transportes Turísticos do Município de Natal me procurou para que eu apresentasse o texto eu entendi que era sim benéfico para a economia da cidade”, explica Ney Júnior.

Único voto contrário ao parecer do relator, que derrubava o veto do Executivo, o vereador Preto Aquino (PATRIOTA) justifica que todos os projetos que tratam sobre o tráfego de veículos na faixa exclusiva de ônibus devem ser unificados em uma única matéria.

Projetos

Os membros da Comissão também aprovaram projetos da vereadora Divaneide Basílio (PT), que trata sobre a criação de política municipal de apoio à agricultura urbana e periurbana do município integrada à política urbana de segurança alimentar e nutricional da população em bases sustentáveis; e da vereadora Nina Souza (PDT) sobre a criação da comenda de Honra ao Mérito Ruth Brilhante de Souza, para reconhecer e homenagear líderes comunitários e pessoas que se dedicam ao trabalho nas comunidades de Natal. Ambos os projetos tiveram como relator o vereador Luiz Almir (Avante), que participou da reunião e apresentou pareceres favoráveis aos dois textos.

Outra matéria em destaque na reunião tratou sobre o Projeto de Lei da vereadora Ana Paula Araújo (PL), que dispõe sobre o congelamento dos salários de prefeito de Natal, vice-prefeito, secretários, procurador-geral do município, diretores da administração direta e dos vereadores para o período da legislatura de 2021 a 2024. O texto foi rejeitado porque os vereadores da comissão entenderam que existiam vícios de iniciativa e de ilegalidade. “Após o prefeito defender que iria existir uma reforma administrativa proposta pelo município de Natal nós entendemos que o projeto caberia diante dessa nova realidade”, propõe a parlamentar. Também participaram da reunião os vereadores Kleber Fernandes (PDT), Nina Souza (PDT) e Luiz Almir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close