Raquel Dodge defende investigação contra José Agripino de ter recebido propina

manifestação enviada há pouco ao STFRaquel Dodge defendeu que a investigação contra o ex-senador José Agripino Maia, por recebimento de propina de mais de R$ 1 milhão, seja conduzida pela Justiça Federal no Rio Grande do Norte.

O ex-parlamentar responde pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e uso de documento falso.

“Agripino Maia foi denunciado por ter recebido cerca de R$ 1,1 milhão para intervir, na condição de senador da República e presidente nacional do partido Democratas (DEM) à época, na manutenção do contrato da empresa Inspar com o governo do Rio Grande do Norte, para a prestação de serviço de inspeção veicular ambiental”, diz a PGR.

De acordo com a denúncia, os repasses teriam ocorrido durante a gestão da ex-governadora Rosalba Ciarlini, também acusada de participar do esquema. A denúncia contra ela foi rejeitada pela Segunda Turma do STF.

O Antagonista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close